Crescer é difícil, e não estou a gostar de ser eu neste momento... Começo a acreditar num amigo meu que diz que estamos a viver no inferno. Este é um dos infernos, meus amores... porque é. É fácil mandar palpites, é fácil dar conselhos aos outros. Matem-me já, mas não estou a aceitar bem a seriedade da vida. Coisas de adultos, sentimentos de adultos, ºshtw*Xs#"#sºsldj de adultos... tudo uma merda. Posso passar esta fase de iniciação e passar logo p'ra outra? Digam-me, e a outra, é melhor ou vai ser sempre assim? É que se vai avisem que corto os pulsos já! E não, não me estou a queixar da minha família, nem dos meus amigos, nem do meu namorado, ou dos meus prazeres, não. De mim, só. Estou a fazer queixinhas de mim... estou só com um bocado de pressa, é isso.

Comentários

Ana disse…
Vamos brincando com a seriedade das coisas:)
Quark disse…
Crescer é complicado, concordo ctg!