segunda-feira, janeiro 28, 2013

Às vezes estamos tão concentrados na nossa vista da perfeição que nos esquecemos que a perfeição pode ser relativa... Quando menos esperamos: "ups, afinal isto é perfeito...". Nota mental: Burra! Não te esqueças disso!

Sem comentários: