quinta-feira, junho 03, 2010

Às vezes, até a liberdade de pensamento pode ser uma miragem. Devíamos gostar das pessoas quando nos apetece, porque nos apetece, em vez de nos querermos ver livre delas por estarmos presos. Se mantens um pássaro sufocado, na mão, ele não te vai amar, vai tentar encontrar mil e uma maneiras de se libertar. Solta-o e ele amar-te-á se quiser.

1 comentário:

Mónica* disse...

exactamente!

«if you love something, sei it free; if it returns it's yours, if it doesn't it never was...»

não sei se esta frase aplica-se bem a este caso, mas é bem verdadeira!

p.s. parece-me que temos q conversar ;)

beijo!